Seu portal de fofoca

Astrid Fontenelle revela que adoção determinou fim de casamento: “Eu queria”

A apresentadora Astrid Fontenelle abriu o jogo durante uma entrevista no podcast Theorapia, revelando que o término de seu casamento com Marcelo Checon, em 2008, teve como pivô a adoção de seu filho, Gabriel, de 15 anos. Astrid compartilhou que enquanto ela desejava ter filhos, seu ex-marido não compartilhava do mesmo desejo, resultando em uma separação que ela descreveu como abrupta.

“A separação foi de merda porque foi da noite pro dia. Quer dizer, nunca é da noite pro dia. Estava tudo indo ali no arroz com feijão, aquele sexo já não era mais uma loucura e o fator determinante mesmo é que eu não via brilho nos olhos dele quando a gente falava de adoção”, explicou.

A apresentadora notou uma maior empolgação de Marcelo para comprar um carro do que para o processo de adoção. “Marcelo estava participando, era parceiro, mas eu não via o brilho nos olhos [dele pela adoção], como eu via com ele combinando com o amigo de comprar um carro desses fenomenais, e ele já tinha três carros na garagem”, destacou.

Astrid revelou que questionou o ex-marido sobre a adoção, mas optaram por manter a amizade. “Falei para ele: ‘se você me sacanear, me trair por causa da adoção, aí vai ser ruim. Então, enquanto está bom é melhor parar, ser amigo’. Nós dormimos abraçados e ele saiu de casa no dia seguinte”, relatou.

Atualmente casada com Fausto Franco há 13 anos, Astrid compartilhou que está vivendo o melhor momento de sua vida. “Casada com um baiano, gente boa, carinhoso, que tem a independência financeira dele, inteligente, que lê jornal, gosta de ler livro. Tenho um filho. Esse cara foi o caminho do filho. Ele que um dia virou e falou ‘e se você fosse procurar [filho para adotar] na Bahia?’”, concluiu.

Confira a entrevista de Astrid Fontenelle na íntegra

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.