Seu portal de fofoca

Atriz Fernanda Rodrigues revela o que aconteceu para romper com o pai: “Libertador”

A atriz Fernanda Rodrigues surpreendeu ao falar abertamente sobre o rompimento que teve com o próprio pai na sua vida pessoal. Hoje com 44 anos, a artista revelou em entrevista que os dois não se falam há mais de 30 anos.

Foi em entrevista ao podcast Quem Pode, Pod, que Fernanda Rodrigues conta como tudo começou. Ela revela que, ainda jovem, aos 13 anos, incentivou a mãe a se separar, já que sentia que os dois não eram próximos e que seu pai não era uma pessoa presente.

Vale lembrar que Fernanda quase nunca menciona o pai durante entrevistas ou momentos públicos. “Nunca falo [dele]. Quando eu tinha 13 anos, minha mãe se separou porque eu falei pra ela: ‘por que ela não se separa?’. Eu falei. Ele via que ele viajava muito, nunca estava presente, quando ele chegava eu ficava doido pra ele ir embora… e eu falei. No dia seguinte ela se separou”, disse na entrevista.

Atriz rompeu relações com o pai há 30 anos

Ainda na conversa, Fernanda Rodrigues comentou que o rompimento com o pai foi “libertador” para ambos. “Ele sumiu no mundo. Tive poucos contatos, eu encontrei ele umas quatro vezes, cinco. Em situações específicas. Ele é um cara do mundo, era sofrido pra ele ficar preso nessa família. Não era o sonho dele”, revela.

A atriz foi questionada se perdoou o familiar por essa ausência. “Perdoei muito. Eu fui entender que era doído pra ele. Se ele tivesse falecido, eu saberia. De vez em quando alguém fala alguma coisa”, contou ainda.

Hoje no ar na novela Fuzuê, Fernanda Rodrigues é casada com o diretor Raoni Carneiro, um dos principais nomes dos bastidores da Globo. Na vida pessoal, ela é mãe de Luísa, de 13 anos, e Bento, de 6 frutos do relacionamento com o global.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.