Seu portal de fofoca

Filho de Ana Hickmann está processando a mãe e a tv Record

Alezinho, o filho da apresentadora Ana Hickmann, aparece como autor de um processo contra a própria mãe. A ação é movida pelo ex-marido da loira, Alexandre Correa, desde a última segunda-feira (5). Além da modelo, a emissora RecordTV também é alvo.

A informação veio a público por meio do advogado de defesa do empresário, Enio Martins Murad, por meio de live realizada no Instagram, ainda no domingo (4), com o jornalista Ricardo Feltrin.

“Por 52 minutos, usaram um canal de televisão para dizer que o Alexandre era ladrão, falsificador de documentos, canalha, covarde, agressor e mau pai. Vamos pedir na Justiça que o Alexandre tenha direito de resposta no mesmo tempo, no ‘Domingo Espetacular’, R$ 15 milhões de indenização. São dois autores e dois réus”, argumentou o advogado, que afirma que Alexandre e Alezinho foram “vítimas de alienação parental”. Esse, inclusive, seria o motivo do menino constar no processo.

Equipe de Ana Hickmann se pronuncia

Nesta ação, Ana Hickmann e a RecordTV são processadas por danos morais e materiais. Nesse quesito, o advogado de Alexandre Correa argumenta que o empresário vem sendo prejudicado financeiramente. “Se seu não atendesse ele, porque estou fazendo essa advocacia gratuita, Alexandre não teria condições de pagar seu advogado. Então, ele estaria sozinho, abandonado. Ele ficou desamparado, tanto financeiramente quanto do apoio jurídico dos advogados da empresa”, expôs.

Alexandre Correa e Ana Hickmann se separaram em dezembro do ano passado, após a apresentadora denunciá-lo por violência doméstica para a plícia. A equipe da modelo veio a público se pronunciar sobre esta nova ação.

“Alexandre é réu no caso de violência doméstica e adota condutas imorais para tentar prejudicar e descredibilizar Ana Hickmann. Nunca houve alienação parental por parte dela, tendo o judiciário negado todas as tentativas anteriores do ex-marido. Diante de todas as acusações e violências, Ana protege e poupa o filho de ter acesso aos conteúdos constrangedores aos quais é submetida e lamenta a forma com que Alexandre Correa usa e manipula a criança em benefício próprio”, diz o comunicado enviado à Quem.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.