Seu portal de fofoca

Músicas de Taylor Swift e Billie Eilish estão sumindo do Tik Tok

Taylor Swift e Billie Eilish estão ‘sumindo’ do TikTok e usuários da rede social não estão conseguindo utilizar os áudios da cantora para os conteúdos. Além disso, outros artistas como Boygenius e Jon Batiste, que também pertencem à Universal Music Group, também estão de fora da plataforma.

A ausência das canções acontece devido a dificuldade de negociações entre as duas empresas. Foi na última quarta-feira que o acesso do TikTok à lista de artistas da Universal foi encerrado, após meses de embróglio. Desta forma, a plataforma de vídeos começou a “mutar” os conteúdos que tiverem músicas de artistas relacionadas à gravadora.

Em um comunicado enviado à imprensa, um porta-voz da Universal falou sobre o assunto. “Nossos acordos com o TikTok expiraram, por causa da recusa do TikTok de pagar apropriadamente os artistas e compositores, protegendo os artistas humanos dos efeitos negativos da IA, e de consertar problemas de segurança para os usuários do TikTok”.

Entenda disputa entre TikTok e Universal

Tudo começou quando a Universal Music solicitou ao TikTok que pagasse seus respectivos artistas uma taxa proporcional à que outras plataformas pagam. Além disso, a empresa também acusa a plataforma de permitir que os conteúdos gerados por inteligência artificial tomem conta da rede, o que também dificulta o pagamento de royalties para os artistas.

A Universal se mostrou preocupada também com os conteúdos problemáticos sobre seus artistas, como imagens sexualizadas de Billie Eilish que viralizaram recentemente e só foram removidas muito tempo depois, após acumularem milhões de visualizações.

O TikTok, por sua vez, não quis se pronunciar sobre o assunto, apontando apenas que a Universal Music colocou “a ganância acima dos interesses de seus artistas e compositores”. “O TikTok conseguiu chegar a acordos que colocam o artista em primeiro lugar com todas as outras gravadoras e publishers. Claramente, as ações egoístas da Universal não atendem aos melhores interesses dos artistas, compositores e fãs”, disparou.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.