Seu portal de fofoca

Primeira-dama do Brasil, Janja é hackeada em rede social e diz que traiu Lula

Na noite desta segunda-feira, o perfil da primeira-dama Janja Lula da Silva no X, antigo Twitter, foi alvo de um ataque hacker que resultou em uma série de xingamentos e ofensas. O ataque foi anunciado por volta das 21h37, gerando repercussão imediata nas redes sociais.

A Polícia Federal já está envolvida no caso, tendo iniciado uma investigação preliminar e planejando abrir um inquérito nesta terça-feira. A plataforma também foi notificada e está colaborando com as autoridades para apurar os detalhes do incidente.

Cerca de uma hora após o início do ataque, as mensagens injuriosas foram removidas da conta de Janja, que possui uma base de seguidores de 1,2 milhão. O Planalto confirmou a perda de controle da conta pela primeira-dama, repudiando veementemente o ataque hacker.

A Polícia Federal assegurou que a conta foi bloqueada para novas publicações após postagens ofensivas contra Janja e o Presidente da República, e destacou que as informações de acesso indevido serão preservadas para auxiliar na identificação dos responsáveis.

O ministro da Comunicação Social, Paulo Pimenta, condenou o ataque, chamando os hackers de “canalhas”. O líder do governo no Congresso, senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), também pediu punição exemplar para os responsáveis, destacando o caráter misógino do ataque.O perfil invadido postou mensagens ofensivas ao presidente Lula, a Janja e também direcionou ataques ao ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF). O ocorrido já se tornou um dos assuntos mais comentados no Twitter. O perfil também compartilhou vídeos com tela preta e narração em áudio contendo ofensas.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.