Seu portal de fofoca

Quantos quilômetros percorreram os sobreviventes do acidente de avião nos Andes?

O acidente aéreo da Cordilheira dos Andes, ainda nos anos 70, voltou a ser assunto nas redes sociais. O motivo é o lançamento do filme Sociedade da Neve, da Netflix, que ocupa a lista de produções mais assistidas na plataforma.

O filme conta a história dos sobreviventes da queda do voo 571, na Cordilheira dos Andes, em 1972. Ao todo, 45 pessoas viajavam de Montevidéu, no Uruguai, para Santiago, no Chile. A aeronave, porém, se choocu contra as montanhas no dia 13 de outubro daquele ano.

Com a queda, os sobreviventes precisaram superar condições adversas – tais como frio intenso, falta de água comida e ferimentos, além de fazer um longo percurso até que finalmente fossem encontrados pelo resgate.

Saiba quantos kms foram percorridos

É importante destacar que o grupo de sobreviventes precisou passar por nada menos que 72 dias até que finalmente fossem resgatados pelas autoridades. A maioria sendo jovens entre 19 e 21 anos, precisou suportar temperaturas de até -30ºC e, em um dado momento, precisaram consumir carne humana para aplacara fome.

Uma dessas pessoas se chama Nando Parrado, que optou por deixar o grupo ao lado de Roberto Canessa, onde realizaram a travessia dos Andes afim de encontrar ajuda. Ao todo, foram 100 quilômetros percorridos em 10 dias de caminhadas e escaladas pelas montanhas. Felizmente, a dupla encontrou um camponês e conseguiu pedir ajuda, ainda voltando ao local em que estavam os demais sobreviventes para mostrar à equipe de resgate.

Em 2020, Canessa concedeu uma entrevista onde falou sobre a primeira paisagem que viu e que não era neve: trata-se de grama, lagarto e vacas, porém sem humanos por perto. “Você [fica pensando se] realmente alcançou a civilização? Estávamos sentindo falta do homem”. O sujeito encontrado pela dupla foi identificado como Sergio Catalán, onde lhe foi entregue um bilhete relatando o drama dos sobreviventes. A partir dali, o condutor de mulas precisou viajar mais 120 quilômetros para dar o recado para as autoridades.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.